História da Capoeira

Que a capoeira é brasileira, não temos dúvidas, desenvolvida em vários pontos do país durante a colonização brasileira e escravidão principalmente negra no brasil.
Em fatos oficiais a história da capoeira, ainda é uma incógnita no que se trata de suas origens, com opiniões divididas e sem documentos oficiais que comprovem sua criação, os relatos e estudos nos mostram a capoeira como brasileira.

 
Seus primeiros registros remontam a época do Brasil colônia, ano de 1595 como retrata o Padre José Anchieta no livro "A Gramática da Língua Mais Usada na Costa do Brasil"onde ele cita, "os índios tupi-guarani divertiam-se jogando capoeiragem". Guilherme de Almeida, no livro "Música no Brasil"sustenta serem indígenas as raízes da Capoeira. Martim Afonso de Souza relata ter observado tribos indígenas jogando capoeiragem como era chamada na época.
 
Se observados a etimologia da palavra capoeira, veremos que ela descende do dialeto tupi-guarani "Kaápûera", que significa capim que foi abatido, mato que foi cortado, grandes extensões de mata abatido muito baixo, onde Ka'á significa "mato" e pûera significa "que foi" , refere-se a grandes áreas de mata rasteira onde era praticada a agricultura indígena.
 
Um trabalho do professor austríaco Gerhard Kubik, antropólogo, membro da Associação Mundial de Folclore na época e profundo conhecedor de assuntos africanos diz estranhar que o brasileiro chame a capoeira de Angola, quando ali não existe nada semelhante.
 
Alguns historiadores defendem que a capoeira teria sido inventada nas ruas do Rio de Janeiro, outros que ela nascera no mercado quando escravos chegavam com cestos de aves na cabeça, chamado também de capoeira na época e enquanto esperavam ficavam brincando de  lutar surgindo dai a verdadeira capoeira.
 
Outros como Antenor Nascentes dizem que a luta da capoeira esta ligada a ave Uru "odontophorus capueira-spix", cujo o macho muito ciumento trava lutas violentas com o rival que ousa entrar em seus domínios.
 
Outra tese defendida por historiadores, relata a possibilidade de suas origens ser oriundas das tribos Congo-Angoleses principalmente as tribos Jejes Bantus e Nagôs, de onde foram trazidos os escravos negros para o brasil colônia, Câmara Cascudo afirma que a capoeira tem suas origens nessas culturas iorubas.
 
O N'Golo, mais conhecido como dança da zebra poderia retratar essas origens, sendo este um ritual muito comum entre essas tribos onde os rapazes ao atingirem a puberdade, são submetidos a um teste para desposar a virgem da tribo, o ritual consiste em um combate entre vários rapazes da tribo onde os mesmos desferem pontapés uns nos outros ate que haja um vencedor, contudo a aqueles que dizem não ter nenhuma semelhança com a Capoeira.
 
Muitas questões envolvem as origens da capoeira, como por exemplo a queima do documentos relativos a escravidão no Brasil, em 1891, Rui Barbosa mandou queimar qualquer documento que tivesse relação com a escravidão no brasil para evitar que senhores de engenho pedissem indenização pelas perdas segundo eles ocorridos pela abolição da escravidão assinada pela Princesa Isabel em 13 de Maio de 1888 "Lei Áurea".
 
No inicio do seculo XIX já se tinha registros de manifestações da capoeiragem na Bahia, Rio de Janeiro e Recife, a partir de 1850 apesar de a abolição ainda não ter sido assinada, já tínhamos grupos abolicionistas políticos e revolucionários que deram origem as maltas de capoeira, esses grupo aterrorizavam a capital brasileira na época o Rio de Janeiro devido a seus conflitos violentos, levando a capoeira a ser proibida por lei em 1890 em todo território nacional.
 
Somente no inicio do século XX a capoeira vai deixar de ser crime por lei, em 1932 Mestre Bimba funda a primeira academia de capoeira sendo esta chamada de Luta Regional Baiana, em 1937 Mestre Bimba funda o Centro de Cultura Física e Luta Regional, e somente em 1940 a capoeira sai do código penal brasileira tendo sua pratica livre a todos os seus adeptos, em 1941 Mestre Pastinha funda o CECA Centro Esportivo de Capoeira Angola.
 
Hoje a capoeira é praticada em mais de 170 países e 5 continentes, além de patrimônio cultural brasileiro, foi reconhecido em 24 de Novembro de 2014 durante a 9ª sessão do Comitê Intergovernamental para a Salvaguarda, que é realizado na sede da Unesco em Paris, teve seu reconhecimento aprovado como Patrimônio Cultural e Imaterial da Humanidade.
 

Copyright

Av. Nossa Sra. do Carmo, 562, Centro, Betim/MG - Ao lado do Clube Atlético Rodoviário
  • Instagram Cais da Bahia Capoeira
  • Facebook Social Icon
  • YouTube Social  Icon